Orthodontic
Curso Técnico-Unipam
Curso Técnico-Unipam

Tiros de Guerra são homenageados pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais

Chefe de instrução do TG de Patos de Minas esteve presente no evento e recebeu diploma de congratulação

Quinta 13/02/2020 - André Amâncio
Fonte: Prefeitura de Patos de Minas (foto: ALMG - Sarah Torres)
Tiros de Guerra são homenageados pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais
Sicoob Credipatos 1

Os chefes de instrução dos 33 Tiros de Guerra (TG) existentes no estado foram homenageados pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) nessa quarta-feira (12). Os militares receberam diplomas com votos de congratulações pelos serviços prestados à juventude e à pátria. O TG de Patos de Minas estava representado pelo chefe de instrução da unidade, primeiro-sargento Josenir Versiani Magalhães, acompanhado dos também sargentos e instrutores Edvaldo Alex de Oliveira e Cristiano Sávio de Aguiar.

A homenagem, realizada em reunião da Comissão de Esporte, Lazer e Juventude da ALMG, foi extensiva aos prefeitos das cidades mineiras que acolhem os Tiros de Guerra. Essas instituições funcionam a partir de convênios firmados entre a União, por meio do Comando da Região Militar, e os municípios. Em geral, o Exército fornece instrutores, fardamento e equipamentos, enquanto as prefeituras oferecem as instalações. Por esse motivo, frequentemente, o prefeito também acumula a função de diretor do Tiro de Guerra.

Milhares de jovens, a cada ano, prestam o serviço militar obrigatório nos Tiros de Guerra. De acordo com a legislação militar, esses jovens são classificados como atiradores, denominação oriunda das primeiras sociedades de tiro ao alvo do Brasil, criadas no início do século XX. Muitas dessas sociedades foram transformadas, mais tarde, nos atuais Tiros de Guerra.

Os atiradores devem permanecer no serviço militar por um período de seis a dez meses, conciliando essa atividade com o trabalho e o estudo. Ao término desse prazo, eles são licenciados das fileiras militares e permanecem na reserva. O curso de formação de cabos faz parte da instrução oferecida nos Tiros de Guerra.

É comum a utilização dos efetivos dessas instituições militares em colaboração com a Defesa Civil, em casos de calamidade pública, e em apoio a ações comunitárias, de saúde e ambientais.


Compartilhe


Comentários

Jornal de Patos
Padaria Nova Viçosa
MT Imports
Jornal de Patos
Padaria Nova Viçosa
MT Imports